Arquivos

Posts Tagged ‘wordpress’

Org2Blog – integrando o org-mode do emacs ao seu blog do wordpress.

quinta-feira, 21 abr 2011; \16\UTC\UTC\k 16 13 comentários

Este é um teste do sistema de postagem org2blog, que transforma textos do org-mode do emacs para posts de blog do wordpress. Esse é o melhor sistema de postagem para wordpress que eu encontrei até agora. O org-mode é um modo de edição de arquivos de texto estruturados no editor de texto emacs. Uma das grandes vantagens do org-mode é a possibilidade de exportar seus textos para diversos formatos – como um documento em latex ou html, uma apresentação do beamer, um livro em docbook,… e agora, com o add-in org2blog, posts de blogs para o wordpress.

As vantagens são inúmeras:

  • EDITAR NO EMACS!!!
  • o org-mode tem uma sintaxe muito simples para estruturar textos com seções, subseções, incluir links, listas, tabelas e etc.
  • editar no emacs te permite usar macros e scripts para fazer geração dinâmica de textos,
  • o org-mode permite adicionar equações em latex, como se fosse em um documento latex normal, e traduz isso para a sintaxe do wordpress – \int e^{ikx} dk = 2\pi\delta(x).
  • o org-mode-babel permite adicionar código em diversas linguagens de programação e editá-las usando seu modo natural no emacs. O código é automaticamente colorido com syntax-highlighting (para a linguagem correta!) e postado usando as tags adequadas no wordpress. Veja por exemplo esse código em Haskell:
    sort :: (Ord a) => [a] -> [a]
    sort (x:xs) = (filter (<x) foo) ++ [x] ++ (filter (>=x) foo)
      where foo = quicksort xs

    O org-mode também pode executar o código, compilar e testar.

  • o org-mode possui dezenas e dezenas de ferramentas para lidar com texto,
  • exportar não apenas para wordpress mas para dezenas de outros formatos.

Enfim, essas são apenas algumas das vantagens. Eu comecei a usar o org-mode para editar apresentações de slides em beamer. Por muito tempo eu reclamei que não existia uma forma fácil de se fazer isso, e o org-mode foi a saída perfeita para mim. Agora o org2blog vem sanar uma outra séria deficiência de ferramentas na minha opinião: como editar de forma fácil posts de blog com código-fonte e latex simultaneamente.

Instalação do org-mode

Instalar o org-mode é muito fácil. Primeiro de tudo você precisa do emacs, claro. Vou assumir que você está no linux (sinceramente, se você está no windows eu recomendaria que instalasse o linux primeiro, porque eu nem sei fuçar no win-emacs :P ). Você deve baixar e descompactar o org-mode no site e colocá-lo na sua pasta de add-ons do emacs (tipicamente na pasta ‘~/.emacs.d/’). Abra então o terminal na pasta e dar os comandos típicos:

make
make doc
sudo make install

Depois adicione no seu arquivo de configuração do emacs (tipicamente ‘~/.emacs’ ou ‘~/.emacs.d/init.el’, o que você preferir) as seguintes linhas (ajustando para os diretórios adequados):

(setq load-path (cons "~/.emacs.d/org-mode/lisp" load-path))
(setq load-path (cons "~/.emacs.d/org-mode/contrib/lisp" load-path))
(require 'org-install)
(org-babel-do-load-languages
 'org-babel-load-languages
 '((R . t)
   (emacs-lisp . t)
   (haskell . t)
   (gnuplot . t)
   (latex   . t)
   )) ;; adicione aqui as linguagens que quiser que o org-mode reconheça. 

Para manter atualizado você pode baixar os arquivos do repositório git do org-mode, conforme as instruções no site. Veja o manual do org-mode para todas as instruções de como usá-lo. Para configurar o org-babel, a parte do org-mode que lida com códigos, veja essa página e essa pagina.

Instalação do org2blog

O org2blog, com instruções de instalação, pode ser encontrado no github do punchagan. Baixe os arquivos usando o git, conforme indicado no README, no seu diretório ‘~/.emacs.d’ do emacs. Siga o README para saber como configurar o seu emacs para logar automaticamente no seu blog e colocar o seu post.

Enfim. Não tem mais muito o que dizer. Eu fiquei muito empolgado com a possibilidade de editar meus posts no emacs com calma e só postar depois de pronto. O org-mode tem diversas ferramentas para lidar com texto que o tornam de longe a melhor ferramenta de editoração eletrônica para emacs – para textos em latex e apresentações particularmente. Além disso ele tem coisas como o record-mode e outras ferramentas para lidar com todo-lists e agendas. Vale a pena dar uma olhada.

Boa sorte.

Categoriasorg2blog Tags:, , ,
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 67 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: