Início > Ars Physica, Physics, Science > Pierre Auger é inaugurado hoje

Pierre Auger é inaugurado hoje

sexta-feira, 14 nov 2008; \46\UTC\UTC\k 46 Deixe um comentário Go to comments

Observatório Pierre Auger

Observatório Pierre Auger. Imagem do site oficial.

Hoje foi o dia de inauguração do Observatório Sul Pierre Auger!🙂

O observatório era construído desde 2000. O objetivo é estudar os raios cósmicos de altíssimas energias — acima de 108 TeV, isso é dez milhões de vezes a energia dos prótons no LHC. Eu falei sobre parte da motivação do projeto aqui. Mesmo antes da inauguração, o observatório já havia mostrado evidência do limite GZK em julho desse ano (veja o link sobre a motivação para saber mais). Por outro lado, foi um pouco decepcionante que o limite GZK foi confirmado (nenhuma nova física necessária então para descrever a interação de prótons com fótons, mesmo a energias tão altas).

Outro elemento importante da física do Pierre Auger é entender a origem desses raios cósmicos tão energéticos. Não há um consenso sobre que processo físico natural nas galáxias pode produzir/acelerar prótons a energias tão altas. No final do ano passado, a colaboração já havia mostrado que os raios cósmicos de altíssima energia não são isotrópicos pelo universo e sim parecem vir das galáxias com núcleos ativos (aquelas com buracos negros no centro). Essa descoberta foi capa da Science de novembro de 2007 (veja também a nota de imprensa do CBPF).

Com a inauguração hoje, o Pierre Auger sul começa a operar com todos os seus detetores!🙂 Há planos para melhorar a resolução de determinação da origem dos raios cósmicos do espaço com um segundo observatório, o norte, que deve ser construído em Colorado, nos Estados Unidos.

Para nós brasileiros esse projeto é de especial honra, pois parte da colaboração é brasileira: a Profa. Angela Olinto, da Universidade de Chicago e várias instituições no Brasil🙂

Edição 19/11: dos comentários abaixo, eu destaco o link passado pelo Daniel Particle physics gives boost to areas of Latin American sobre a participação latino-americana no Pierre Auger🙂

  1. sexta-feira, 14 nov 2008; \46\UTC\UTC\k 46 às 19:00:21 EST

    O Carlos Ourivio Escobar não é o grande nome brasileiro da colaboração?

    edit: corrigido nome do prof. Escobar, como apontado pelo prof. Fleming. ass: Rafael.😀

  2. Leonardo
    sexta-feira, 14 nov 2008; \46\UTC\UTC\k 46 às 19:16:53 EST

    que nada cara, é o Edivaldo M Santos😉 hehehehe

  3. Henrique Fleming
    sábado, 15 nov 2008; \46\UTC\UTC\k 46 às 04:53:44 EST

    For the record: é Carlos Ourivio Escobar, e não Ourives.

  4. sábado, 15 nov 2008; \46\UTC\UTC\k 46 às 21:30:23 EST

    Então foi decidido que o Pierre Auger Norte será no Colorado? Até bem pouco tempo atrás eu ouvi o prof. Escobar falar sobre isso, mas não tinham decidido ainda onde seria o Pierre Auger Norte (pelo que eu entendi).

  5. Leonardo
    sábado, 15 nov 2008; \46\UTC\UTC\k 46 às 23:05:45 EST

    no site da colaboração diz que vai ser no Colorado, então já deve estar decidido🙂

  6. lopesdesa
    domingo, 16 nov 2008; \46\UTC\UTC\k 46 às 14:45:59 EST

    http://www.auger.org/admin/Collaborators/Auger_collaborators.html#Brazil

    Os dois “Collaboration Board member” no Brazil são o Escobar e o Shellard.

  7. segunda-feira, 17 nov 2008; \47\UTC\UTC\k 47 às 05:27:49 EST

    O Edivaldo é amigo meu. Já falei sobre o AP física para ele e sugeri um post como convidado. Acho que mostrando esse post aqui, será um bom estímulo.🙂

    Estou no Rio agora e é uma pena que não o encontrei, pois ele foi à Argentina justo ontem. Depois sugiro novamente para ele um post aqui. Edivaldo é muito preocupado com questões educacionais. Lembro até hoje muitas de explicações de física dele quando eu estava na iniciação científica e início de pós.

  8. Leonardo
    terça-feira, 18 nov 2008; \47\UTC\UTC\k 47 às 11:29:04 EST

    Oi

    Hoje saiu um paper interessante sobre esse assunto:

    http://arxiv.org/abs/0811.2230

    A conta que eles fazem é a seguinte: considere que há uma violação da Relatividade Especial que faz com que cada partícula tenha uma velocidade diferente na relação de dispersão

    E^2 = (pv)^2 + (mv^2)^2

    então a diferença desta v para o próton e o píon, dado o resultado do Auger e HiRes, é 10^{-23}.

    Aparentemente esse tipo de violação é motivada por teorias quânticas da gravitação. Alguém sabe comentar mais?

  9. terça-feira, 18 nov 2008; \47\UTC\UTC\k 47 às 14:20:18 EST

    Leo, eu ia colocar o link abaixo como uma “atualização” pra esse seu post… mas, achei melhor deixar a seu critério:

    Particle physics gives boost to areas of Latin American.

    Achei a notícia interessantíssima!🙂

    Agora, quanto a violação da Relação de Dispersão relativística… eu vou dizer, tá faltando idéia mesmo nesse campo: será que alguém já se habilitou a calcular essa relação de dispersão para diferentes soluções da Relatividade Geral?!😛

    A razão pela qual é complicadíssimo de se fazer essa análises em RG é só o começo (a ponta do iceberg) do argumento pelo qual essas “correções [pra relação de dispersão] advindas duma gravitação quântica” são propostas muito pouco robustas (pra dizer o mínimo).

    []’s.

  1. terça-feira, 14 jul 2009; \29\UTC\UTC\k 29 às 09:02:40 EST

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: