Carreira Científica…

sexta-feira, 29 maio 2009; \22\UTC\UTC\k 22 Deixe um comentário Go to comments

A revista Science Careers está publicando uma série de 4 reportagens sobre o estresse no trabalho, ficando, claro, no emprendimento científico. É uma leitura sossegada e leve; recomendo.😉

Por enquanto, apenas essas duas parcelas foram publicadas. Mas, eu vou manter esse post atualizado conforme os próximos forem sendo publicados.😉

E só pra aproveitar o post… deixo umas diquinhas do site acima,

[]’s.

  1. sábado, 30 maio 2009; \22\UTC\UTC\k 22 às 18:39:31 EST

    Olha… eu as vezes fico estressado sim com meu trabalho acadêmico. Mas eu acho que é um tipo de stress bem diferente do que o experienciado por pessoas que trabalham 5 dias x 8 horas com um chefe, com prazos apertados, com resultados financeiros objetivos a ser produzidos.

    A Academia é o paraíso!! Só o fato de ter liberdade para trabalhar no problema que interessa a você, poder escolher como vai trabalhar e que métodos vai usar já é uma maravilha. A liberdade de iniciativa individual reduz meu estresse a virtualmente zero.

    Eu fico pensando um sujeito que trabalha num bancão de investimentos, que fica ligadão em resultados as vezes 10 horas por dia, e não tem liberdade nenhuma para iniciativa individual. É uma caixa preta de realizar tarefas – com um output esperado para cada input do chefe. Se o chefe mandar calcular VaR, ele vai calcular VaR. Se mandar calcular expected shortfall, é isso que ele vai fazer. E RÁPIDO. Isso me levaria ao suicídio em duas semanas.

    Claro que existem formas de patologias mentais associadas ao trabalho acadêmico (creio que a mais frequente seja a depressão). Mas acho que é um mecanismo bem diferente do estresse associado a outras formas de trabalho. Acho que mesmo em ambientes onde o publish-or-perish é bem forte, não chega aos pés do estresse de trabalho de empregos que não possuem liberdade de iniciativa individual.

    • domingo, 31 maio 2009; \22\UTC\UTC\k 22 às 07:40:17 EST

      @ Rafa,

      “Nem tanto ao mar, nem tanto à terra…”

      Há vantagens e desvantagens dos 2 lados dessa cerca…

      []’s.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: