Arquivos

Arquivo para a categoria ‘math-ph’

Conferência da Divisão de Partículas e Campos de APS…

segunda-feira, 8 ago 2011; \32\UTC\UTC\k 32 Deixe um comentário

Hoje (segunda-feira, 08-Ago-2011) começa a edição de 2011 da Conferência da Divisão de Partículas e Campos da American Physical Society.

O programa da Conferência pode ser encontrado no link de ‘Schedule’ da mesma.

Mais ainda, os “proceedings” da Conferência serão publicados através do eConf.

Há também uma página para a Conferência no Indico do CERN, DPF2011 @ Indico/CERN. (A razão pra essa duplicação de esforços está fora da minha alçada (coisas da dicotomia de se passar o tempo dividido entre duas insituições) — quando me chamaram pra ajudar na organização da DPF2011 esse tipo de decisão já havia sido tomada. :razz:)

De qualquer maneira, essa página no Indico contém links para os Resumos das palestras e posteres, índice dos autores e palestrantes. Em particular, nestas listagens e índices é possível se encontrar os PDF que já foram carregados para o servidor.

Eu e o Rafael estamos atendendo a DPF2011. Então, vcs podem esperar por twittadas, fotos, posts, etc, etc, etc… provavelmente não no estilo “cobertura ao vivo”, uma vez que tudo vai ser meio corrido, mas fica aí aberto o canal pra quem quiser fazer perguntas ou participar de alguma outra maneira. :wink:

Robust Discretization Schemes…

quarta-feira, 26 jan 2011; \04\UTC\UTC\k 04 3 comentários

ResearchBlogging.org

Today, the following article came up on the arXivs:

This is all fine and dandy… but my question is: “How does this paper (above) compare to the following”:

That is, GR is naturally written in terms of [pseudo-]differential forms (aka tensor densities), so the methods described above should be very appropriate to attack the problem of discretizing the path integral in such a way as to retain its symmetries.

» Robert Oeckl (2005). DISCRETE GAUGE THEORY: From Lattices to TQFT World Scientific eBooks, 1-216 DOI: 10.1142/9781860947377

Miami 2010…

domingo, 12 dez 2010; \49\UTC\UTC\k 49 1 comentário

This week I will be at the Miami 2010, so I will try and “live tweet” the conference, with some comments and pictures — the hashtag will be #miami2010.

If anyone is interested, here’s the talk I am giving on tuesday (2010-Dec-14, right after lunch :wink: ),

:twisted:

Updated (2010-Dec-15): Here are the notes to my talk, mostly of stuff that was said and is not in the PDF above,

SciBloWriMo…

segunda-feira, 8 nov 2010; \45\UTC\UTC\k 45 1 comentário

O mês de Novembro é conhecido no meio literário como NaNoWriMo, National Novel Writing Month.

Um pessoal da Matemática decidiu pegar carona nessa idéia de criar o MaBlogWriMo: Math Blog Writing Month. A idéia, como descrita no link, é a de se escrever todo dia um post com até 1.000 palavras sobre matemática. :cool:

Então, parafraseando ambos esses eventos, vou começar o SciBloWriMo: Science Blog Writing Month! :twisted:

Eu vou aproveitar que vou dar uma palestra na conferência Miami 2010 e pegar uma carona pra falar dum tema que eu já venho trabalhando há algum tempo: o espaço de soluções (aka moduli space) de teorias quânticas de campo e suas simetrias. Esse será um dos temas do SciBloWriMo aqui no AP.

O outro tema é o de um trabalho que eu venho realizando atualmente, em colaboração com um pessoal da Neurociência, sobre o funcionamento hierárquico e maçissamente paralelo do cérebro, chamado Ersätz-Brain.

Assim que os posts forem ficando prontos, eu os linko aqui,

  • Álgebra, Teoria da Representação e Picard-Lefschetz;
  • Neurociência e o Projeto Ersätz-Brain: Teoria de Gauge, Variáveis de Nós e o Funcionamento Hierárquico do Cérebro.

É isso aí: espero que ninguém esteja com medo do frio! :wink:

Simetria e Dualidade em Matemática e Física…

quarta-feira, 23 jun 2010; \25\UTC\UTC\k 25 Deixe um comentário

Fefferman: Conformal Invariants…

quinta-feira, 13 mai 2010; \19\UTC\UTC\k 19 Deixe um comentário

A semana nos arXivs…

quinta-feira, 18 mar 2010; \11\UTC\UTC\k 11 4 comentários

Como vcs devem ter notado, já faz um tempo que não tenho conseguido publicar minha lista de artigos dos arXivs por aqui. Não que eu tenha deixado de ler ou de selecionar meus artigos preferidos nos arXivs — quem acompanha meu Google Buzz ou Google Reader sabe que isso não é verdade (eu leio os arXivs religiosamente todo santo dia :cool: ) —, mas o tempo anda cada vez mais curto pra vir aqui e publicar a lista (e o WordPress ainda não fez o favor de instalar o Markdown por aqui, o que é realmente um empecilho pra quem não curte muito o “Visual Editor” :razz: ).

De qualquer maneira, agora com o advento do Google Buzz e suas conexões com o Google Reader, a “vida digital” tem mudado um pouco de ângulo… então, eu pensei em dar um drible-da-vaca nessa situação: por que não fazer listas no Twitter?! Basta marcar cada tweet com um #hashtag apropriado, e tudo fica resolvido. :cool:

Os #hashtag são evidentes, então já vou linkar direto para os ‘saved searches’ deles,

Assim fica fácil: é até possível se inscrever nos feeds de cada um dos #hashtag! :cool:

Vamos ver se essa nova empreitada alça vôo… :twisted:

Cálculo Exterior para Elementos Finitos…

sábado, 6 mar 2010; \09\UTC\UTC\k 09 Deixe um comentário

ResearchBlogging.org

O artigo Finite element exterior calculus: from Hodge theory to numerical stability trata dum tópico que eu gosto muito: análise numérica feita com ferramentas modernas (e.g., Cohomologia de de Rham e Teoria de Hodge).

Meu interesse sobre esse tipo de tópico começou cedo, quando na graduação eu comecei a lidar com problemas numéricos. A noção de que a estabilidade e convergência do método numérico deveria variar com a particular discretização (“mesh”) escolhida sempre ficou atrás da minha orelha. Mas, naquelas épocas, ainda estando na graduação, pouco era possível se fazer. Mas a vontade de aplicar essas idéias em Lattice Gauge Theory sempre me provocou. :wink:

Um pouco mais tarde, já na pós (mestrado), eu trombei com alguns artigos interessantes que, novamente, morderam essa mesma pulguinha,

Meu interesse por esses artigos era claro: o esquema de discretização deles tenta preservar as simetrias de Lie do problema original. Isso é particularmente importante se o objetivo é simular problemas que envolvem Quebra de Simetria! :idea: :cool:

Um pouco de tempo depois… me aparece o seguinte artigo, A Discrete Exterior Calculus and Electromagnetic Theory on a Lattice; que, mais tarde, seria seguido pelos seguintes artigos: Discrete Differential Geometry on Causal Graphs e Differential Geometry in Computational Electromagnetics.

A idéia, então, era novamente clara: aplicar esse mecanismo de Cálculo Exterior Discreto em Teorias de Gauge! :idea: :cool:

Afinal de contas, quem sabe, não daria pra juntar ambas as idéias: usar Cálculo Exterior Discreto de forma a preservar as simetrias [de Lie] do problema no contínuo :!: O que será que poderia sair daí?! (De fato, não tenho a menor noção, infelizmente nunca tive tempo de voltar e morder essa questão. Mas, taí um problema prum doutorado… :wink: )

Bom, depois de tudo isso, aparece o artigo que motivou esse post — eu tinha que falar alguma coisa a respeito dele.

Na verdade, esse artigo vai mais longe, extendendo o trabalho feito anteriormente, definindo apropriadamente uma Teoria de Hodge para Elementos Finitos, e avaliando as conseqüências para a consistência (“well-posedness of the Cauchy problem”; algo que varia muito com as particularidades da questão em mãos) e estabilidade numérica do problema. Portanto, as técnicas disponíveis agora são muito mais robustas! (O que só me deixa cada vez mais curioso pra saber a resposta das questões acima… :wink: )

É isso aí: a leitura é excelente, a diversão é garantida… e eu não me responsabilizo por noites de sono perdidas (por causa das questões acima)! :twisted:

Referências

  • Arnold, D., Falk, R., & Winther, R. (2010). Finite element exterior calculus: from Hodge theory to numerical stability Bulletin of the American Mathematical Society, 47 (2), 281-354 DOI: 10.1090/S0273-0979-10-01278-4

Seminário de Física-Matemática de Königsberg…

sábado, 6 mar 2010; \09\UTC\UTC\k 09 2 comentários

ResearchBlogging.org

Königsberg é uma cidade na Alemanha famosa por suas sete pontes. Mas, há outra razão também: 150 anos depois dessas pontes inspirarem Euler, nos idos de 1880, a Universidade de Königsberg possuia um seminário de Física-Matemática, que ajudou a formar a carreira científica de David Hilbert e de Hermann Minkowski.

O simples fato de que esse tipo de seminário existia naqueles tempos é um tributo às reformas (Era Prussiana) no sistema educacional alemão: essas reformas começaram com as idéias de Martinho Lutero, que desejava que todas as pessoas devessem ser educadas para poderem ler e interpretar a Bíblia por si sós, independentemente. Foi esse conceito de educação obrigatória que se tornou o ideal educacional alemão da época.

No século 18, o então “Reino da Prússia” foi um dos primeiros países do mundo ( :!: ) a introduzir educação gratuita e obrigatória. Por volta de 1810, depois das “Guerras Napoleônicas“, a Prússia introduziu o conceito de “certificações estaduais” para professores, o que levantou significativamente o nível da educação naquele país.

O Seminário de Física-Matemática nasceu com Franz Neumann e Carl Jacobi — eles foram patrocinados por Friedrich Wilhelm Bessel, astrônomo e diretor do observatório. Esse foi o primeiro seminário oficial da Prússia a incorporar métodos matemáticos no ensino de Física — um passo com muitas conseqüências: a universidade se tornou o centro duma escola de física-matemática, o que moldou a formação dessa disciplina de modo substancial!

Eis algumas outras conseqüências desse Seminário:

  1. Os atendentes dos seminários, jovens pesquisadores, transferiram as idéias educacionais básicas pra outras universidades, onde elas eram adaptadas e desenvolvidas. Isso é muito análogo ao conceito moderno de pós-doutorado, onde o recém-doutor deixa sua instituição e vai exercer seu primeiro emprego, como pós-doutor, em outra instituição, levando consigo os ensinamentos e idéias adquiridas em sua alma matter;
  2. No contexto científico da Física e da Matemática, o Seminário influenciou fortemente o desenvolvimento de áreas de pesquisa e metodologias; &
  3. Devido a responsabilidade pedagógica e esforço pessoal de Franz Neumann, por mais de 4 décadas, o Seminário tem que ser visto como o começo duma nova disciplina, que pode ser chamada de Física Teórica (ou Física Matemática).

Ainda mais importante que o Seminário, foi o Colóquio semanal, em matemática, estabelecido por Lindemann (em 1884). O Colóquio oferecia um fórum para palestras e diálogos científicos no nível de pesquisa (ao contrário do Seminário, cujo objetivo era mais pedagógico, no sentido de ensinar os tópicos expostos) :!:

Para mais detalhes e maiores diversões… o artigo abaixo é muito gostoso de se ler. :twisted:

Referências

  • Schwermer, J. (2010). Minkowski in Königsberg 1884: A talk in Lindemann’s colloquium Bulletin of the American Mathematical Society, 47 (2), 355-362 DOI: 10.1090/S0273-0979-10-01291-7

Winter Workshop on Non-Perturbative QFT…

segunda-feira, 18 jan 2010; \03\UTC\UTC\k 03 Deixe um comentário

I’m live tweeting the Winter Workshop in Non-Perturbative QFT. The tweets are being tagged with #wwnpqft and can all be found at,

Have fun! :twisted:

Non-Perturbative QFT…

domingo, 17 jan 2010; \02\UTC\UTC\k 02 3 comentários

O Instituto Não-Linear de Nice vai realizar um Workshop de Inverno sobre QFT não-perturbativa — e eu fui convidado a dar uma palestra. :twisted:

O Workshop começa amanhã e eu já estou no gás todo (apesar da horrível viagem de SP pra Paris)! :wink:

Quem se interessar, minha palestra pode ser vista no seguinte link,

Se for possível, eu vou tentar fazer ou um live blogging (aqui no AP) ou um live tweeting (no meu twitter): não prometo nada mas, fiquem de olho… quem sabe não dá certo?! :wink:

A semana nos arXivs…

quinta-feira, 10 dez 2009; \50\UTC\UTC\k 50 Deixe um comentário


Transcendental Meditation

Transcendental Meditation

Realejo do dia…

terça-feira, 8 dez 2009; \50\UTC\UTC\k 50 Deixe um comentário

y = exp(x)

y = exp(x)

A semana nos arXivs…

quarta-feira, 2 dez 2009; \49\UTC\UTC\k 49 Deixe um comentário


A semana nos arXivs…

quinta-feira, 19 nov 2009; \47\UTC\UTC\k 47 2 comentários


Academia vs. Business

Academia vs. Business

Buzzwords

Buzzwords

Contribuindo para o FQXi…

quinta-feira, 12 nov 2009; \46\UTC\UTC\k 46 Deixe um comentário

O FQXi, Foundational Questions Institute, tem como objetivo disseminar a pesquisa em áreas fundacionais da Física e da Cosmologia.

Em Agosto/09, eu fui convidado a integrar os blogueiros do FQXi :twisted: . E minha primeira participação acabou de ser posta online (sim, a coisa demorou pra acontecer porque existe todo um processo de editoração e revisão por pares :cool: ):

Na verdade, o artigo que eu escrevi ficou “grande demais”… então, ele foi dividido em 3 partes, e esse link é pra primeira parte, que foi ao ar ontem. As outras partes vão se seguir… mas eu ainda não sei quando serão postas online. De qualquer forma, fiquem ligados, eu ponho os links aqui conforme eles forem aparecendo. :wink:

Espero que vcs gostem… e, apesar de estar em Inglês, o Google Translate é seu amigo. :mrgreen:

Diversão garantida… ou sua Física de volta! :twisted:

Continuação analítica da função de partição…

sexta-feira, 6 nov 2009; \45\UTC\UTC\k 45 Deixe um comentário

Continuando no espírito dos posts Teorias Topológicas de Campo e suas Continuações Analíticas e Grothendieck, Sistemas Dinâmicos, Dualidade de Langlands e Higgs Bundles, mais um ingrediente pra temperar essa mistura, dessa vez vindo de Materia Condensada,

Essencialmente, nos dois primeiros artigos, Lee e Yang demonstram o chamado Teorema de Lee-Yang — essencialmente, o teorema mostra que, sob “certas condições” (é muito importante que essas condições sejam satisfeitas), os zeros da função de partição são imaginários; esses são os chamados zeros de Lee-Yang.

Por outro lado, os chamados zeros de Fisher têm origem numa construção muito semelhante a anterior, a diferença relevante entre ambas as construções sendo que, no caso de Fisher, a temperatura é continuada analiticamente [para os Complexos].

Nesse sentido, a construção de Fisher pode ser considerada a continuação analítica dos resultados de Lee-Yang.

A pergunta que se põem sozinha é: “Será que é possível fazer o mesmo em QFT e em Teorias de Gauge?” :idea:

A resposta está longe de ser trivial ou conhecida, vide os dois primeiros posts linkados acima. Mas, agora, com um caso mais concreto pra se comparar… quem sabe não é possível se aprender alguma coisa…?! :wink:

A semana nos arXivs…

terça-feira, 3 nov 2009; \45\UTC\UTC\k 45 Deixe um comentário


'Mike's motto'

'Mike's motto'

Grothendieck, Sistemas Dinâmicos, Dualidade de Langlands e Higgs Bundles…

sábado, 31 out 2009; \44\UTC\UTC\k 44 Deixe um comentário

Por falta de coisa melhor pra fazer num sábado de Halloween, à noite, …, eu estou aqui, lendo o artigo

e pensando na conexão dele com Local Dynamical Systems e Dinâmica Topológica (juntamente com Topological entropy), principalmente no contexto de Higgs bundles and local systems ou The Self-Duality Equations on a Riemann Surface — isso pra não falar em A mad day’s work: from Grothendieck to Connes and Kontsevich The evolution of concepts of space and symmetry, ou, melhor ainda, na continuação analítica de TFTs.

Taí o que me tira o sono… :evil:

(Atualizado (2009-Nov-01 @ 11:30h): Pra “apimentar” ainda mais essa mistura toda, pensar em termos de Discrete gauge theory: from lattices to TQFT também corrói…, afinal de contas, o T. Tao, acima, descreve tudo de modo simplicial, combinatório — e o que é Lattice QFT senão uma versão discretizada, simplicial, de QFTs contínuas? :razz: E já existem técnicas robustas pra se discretizar via ‘lattices’ que não são apenas o ingênuo ‘lattice’ cúbico — muito dessa tecnologia foi desenvolvida pra simulações numéricas de GR; aliás, mais ainda, hoje em dia, já é possível até se construir ‘lattices’ supersimétricos. Resumindo: no final das contas, é possível até se pensar em simulações numéricas dessas construções! :shock: )

Mas, agora é hora de fazer uma boquinha… :cool:

P.S.: Claro, o relógio abaixo também me tira o sono… :twisted:

Suunto Elementum Terra with the negative display and the stainless steel bracelet

Suunto Elementum Terra with the negative display and the stainless steel bracelet

A semana nos arXivs…

terça-feira, 20 out 2009; \43\UTC\UTC\k 43 1 comentário


E, pra quem ainda não sabe, o Michael Green (um dos autores dos volumes Superstring theory: Introduction e Superstring theory: Loop Amplitudes, Anomalies and Phenomenology — ainda um dos melhores livros sobre o assunto) foi o escolhido pra substituir o Hawking na Cátedra Lucasiana: Michael Green elected to Hawking’s Cambridge post — entre outros, o Witten e o Maldacena declinaram a oferta.

Teorias Topológicas de Campo e suas Continuações Analíticas…

domingo, 18 out 2009; \42\UTC\UTC\k 42 2 comentários

Há dois posts recentes que lidam com assuntos muito interessantes… e que eu realmente gostaria de ter mais tempo pra comentar mais extensivamente… mas, por enquanto, os links vão ter que servir.

Ambos os assuntos dos links acima estão interligados e de modo não-trivial, o que significa que ainda há muita Física escondida por aí. :wink:

A palestra do Witten tem como background um assunto muito interessante: Teoria de Morse nos complexos e em superfícies de dimensão infinita. Mais sobre isso pode ser lido nas seguintes referências,

De saidêra, eu deixo um artigo bem interessante: Applying Physics Concepts to Questions in Education. :cool:

A semana nos arXivs…

domingo, 18 out 2009; \42\UTC\UTC\k 42 6 comentários

Esta edição vem um pouco atrasada… mas, vem mais recheada também. :wink:


Cinqüenta anos de exploração espacial

Cinqüenta anos de exploração espacial

Estupidez vs Ignorância

Estupidez vs Ignorância

Leite com chocolate

Leite com chocolate

A semana nos arXivs…

quinta-feira, 8 out 2009; \41\UTC\UTC\k 41 7 comentários


… na cama

… na cama

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 66 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: